Laboratório

Avaliação de agentes químicos no ar ambiente de trabalho

Medição de Agentes químicos no ar ambiente de trabalho

A avaliação da exposição a agentes químicos implica a sua medição no ar ambiente de trabalho do local de trabalho e sua comparação com os valores normativos de referência. Existe normalização nacional de referência, bem legislação sobre agentes específicos.

Esta avaliação deve ser feita em todos os locais onde haja risco de exposição.

Os agentes químicos podem estar presentes no ambiente de trabalho no estado líquido, sólido ou gasoso.
Podem ter origem em partículas sólidas, resultantes do manuseamento de produtos que se encontram sob a forma de pó ou por desintegração com origem em processos mecânicos. Podem também ter origem no manuseamento de produtos químicos líquidos ou sob a forma de gases (que podem também ter origem na evaporação de produtos líquidos ou sólidos).
A penetração no organismo pode dar-se através da pele, pelas vias respiratórias (inalação) ou por ingestão.
Os efeitos na saúde dos trabalhadores dependem (entre outros factores) da forma como os agentes entram em contacto com o organismo e podem fazer-se sentir na pele e nas mucosas provocando irritações cutâneas e queimaduras, nas vias respiratórias (provocando irritações, bronquites, edemas e cancros pulmonares e interferindo com as trocas gasosas provocando asfixia) ou podem ter efeitos nefastos no aparelho digestivo (daí a importância de restringir a possibilidade de os trabalhadores comerem ou fumarem nos locais de trabalho).
Mas certos agentes químicos podem penetrar no organismo, por qualquer das vias referidas ou em conjunto e ao ser absorvidos passam na corrente sanguínea para órgãos alvo onde têm efeitos prejudiciais – fígado, rins, sistema nervoso central …

O conhecimento dos efeitos que os agentes químicos podem ter na saúde é assim muito importante e para isso as informações existentes nos rótulos das embalagens são valiosas, mas igualmente importante é ter atenção às fichas de segurança que devem ser sempre fornecidas com os produtos. Só assim as acções dos serviços de segurança e do médico do trabalho podem ser direccionadas no sentido de prevenir os problemas específicos que decorrem dos riscos a que os trabalhadores são expostos.
A Adesus, Lda está preparada para caracterizar o ambiente de trabalho, colaborando assim com as empresas na identificação dos agentes químicos que constituem factores de risco e na avaliação quantitativa da exposição, através do seu laboratório de ensaios, Labdesus, recorrendo a métodos de amostragem e análise referenciados por organismos internacionais.
A principais áreas de actuação nesta matéria, são as seguintes:
  • Poeiras, fibras e pólen
  • Amianto
  • Metais
  • Gases orgânicos e inorgânicos
  • Explosividade de atmosferas confinadas (LEL)
  • Oxigénio disponível
  • Taxa de renovação de ar

©1990-2006 ADESUS, Lda. Telefone 22 9691437
7 Graus